poeminhas p/matar o tempo e distrair dor de dente.

sexta-feira, agosto 01, 2008

Postagem ao som de várias músicas de Tonico e Tinoco – (e um bate-papo com minha mãe).
PRIMEIRA MANHÃ DE AGOSTO
(Lembrança de um ribeirão)

Seguia pela estrada
com passos lentos
um homem grisalho
com dois meninos.

Cada qual
com uma vara de pescar.
A prosa deles
parecia boa...

Desacelerei
o carro
para observar a cena
sem poeira.

Lembrei-me
dos meus pés brancos
cobertos por água transparente
sob a sombra vazada de uma peneira.

Em meio ao cascalho
e a areia
o reflexo do sol
em escamas...

(Vontade de pescar mais um e levar pro fogão a lenha de minha avó Mariquita)

Saltavam piabas, carás e
sarapós (que parece cobra).
Minha mãe cantante lavava roupas
debaixo da pinguela no ribeirão em Esmeraldas.

Não sei se foi farta
a pescaria do homem grisalho
e dos meninos que deixei caminhando
na estrada desta primeira manhã de Agosto.

Mas sei que hoje
ao invés de peixes
peneirei
boas lembranças.
...
Agora, passados mais de trinta anos, enquanto registro o que aconteceu hoje pela manhã, minha mãe passa roupas (Dona Neuza, sempre cuidadosa com as roupas dos filhos) enquanto ouve Tonico e Tinoco – mostra-me orgulhosa a gola de uma das camisas brancas, que acabou de passar pro meu irmão, que é casado e já lhe deu um neto, Guilherme. O tocador de CD pára e ela pede "Diovvani, vem aqui, volta o CD pra mim, quero ouvir outra vez, até terminar de passar as camisas...".

12 Comments:

Blogger rio daqui said...

À margem dos rios, lá se vão os pescadores buscar pacote de paciência. Riodaqui. Abraço, irmão - Paulo Viggu

domingo, agosto 03, 2008 1:26:00 PM  
Blogger Ariane said...

olá amigo de montanhosos abraços!

quanto tempo,hein...
boas lembranças foram o que me fizeram fazer umas andanças por essa terra em que ninguém sofre de dor de dente, muita coisa boa pra distrair e inspirar...

devagarzinho vou tirando minhas asas de molho...

beijos ensolarados

quarta-feira, agosto 06, 2008 8:56:00 AM  
Blogger Múcio L Góes said...

pow, irmão... mergulhei no teu poema, te invejei por instantes... q infância...


ps. estive doente.. segunda segue a encomenda.

abs

sexta-feira, agosto 08, 2008 4:05:00 PM  
Anonymous Dora said...

Ei, Dio. Amei suas lembranças do ribeirão e de todas os caminhos que elas fizeram.
Mas, estou um bocado triste com seu sumiço...sabia? E com sua des-lembrança de mim. Já lhe enviei todos os dados por e-mail, para receber o "saco de pão". Agora, recebi um outro e-mail, pedindo meus dados...Que aconteceu, companheiro? Anda perdendo coisas?
Abraço.
Dora

domingo, agosto 10, 2008 6:10:00 PM  
Blogger marcos assis said...

cara! que bonito isso!

muito bom de ler, dá uma sensação boa...

terça-feira, agosto 12, 2008 8:01:00 AM  
Anonymous marcos pardim said...

de pescarias (sejam quais forem) também se pode viver bem um homem... e aí, diovvani, deu certo a inscrição do pão e poesia lá no minc? abraço e cum deus...

terça-feira, agosto 12, 2008 6:27:00 PM  
Blogger Rayanne said...

Os rios percorrem o dentro, os olhos, lavando saudades, arrastando lembranças, descrevendo peixes, poemas, possibilidades. A lembrança, cristalina, pula verso n'água, deixa um rastro de história, saudade que o tempo dirá. Ah, menino Dio. Quanda coisa bonita você faz imaginar.

**Estrelas**

quarta-feira, agosto 13, 2008 9:44:00 AM  
Blogger CeciLia said...

Diovani, querido
ainda meio boba, aqui, rindo por nada, da tua liagação e da Mara. Acabei de mandar os poemas para um e-mail teu do yahoo. Ainda é este? Se não receberes nada, me avisa, sim?
Beijos

quarta-feira, agosto 13, 2008 9:51:00 PM  
Blogger daisyrabelo said...

GOSTA DE POESIA? ENTÀO TERÁ UM PRATO CHEIO, OU MELHOR, UMA EMBALAGEM CHEIA ATRAVÉS DO PROJETO PÀO E POESIA!!!! NÀO É MESMO DIOVVANI???!!!

SÓ NOS RESTA TER ALEGRIA !!
COM ESTE SEU PÀO E POESIA !!


PARABÉNS!!

quinta-feira, agosto 14, 2008 5:02:00 PM  
Anonymous Anônimo said...

Que gostoso de ler. Peneirei suas lembranças na minha mente também.

Beijo grande,

Maria Cláudia

segunda-feira, agosto 18, 2008 12:35:00 AM  
Blogger Edilson Pantoja said...

Caro Diovvani, lembranças boas são privilégio.
Ensaio um retorno. Abraço!

quarta-feira, agosto 20, 2008 9:24:00 PM  
Blogger Maria Ana said...

Oi Diovanni!
Vim retribuir a visita e tive uma grata surpresa ao ler essas lembranças da primeira manhã de agosto. Na verdade eu me li um pouco nesses seus versos. Moro no interior de Minas, e acho que as imagens do interior soam de uma maneira deliciosamente parecidas...

abraço!

Mariana

domingo, agosto 24, 2008 11:39:00 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home