poeminhas p/matar o tempo e distrair dor de dente.

terça-feira, novembro 29, 2005


postagem ao som de abertura nº 2 - marco antônio araújo.
_puro aço_
"...estou na capa
na lona
mas vou erguer
com ela o circo
onde vou

abrir
meu sorriso
minha gargalhada
de palhaço
e meu canto
puro aço

há de rasgar
o meu velho horizonte
e descobrir o belo
por trás
dos montes."

para meus amigos vandder lima e andrea karla. agora, oficialmente casados. não pude ir a cerimônia, que foi realizada em conselheiro lafaiete, no sábado dia 26. como diz no poeminha acima, não fui porque a grana estava curta e meu carro, para andar na chuva, não esta muito confiável. fica o registro e meu abraço aos dois.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home