poeminhas p/matar o tempo e distrair dor de dente.

terça-feira, julho 04, 2006

postagem, ao som de várias músicas do maluco beleza - raul seixas!
(gravura de paul klee)
.
_brincadeirinha
zinha
s..._
asa só voa se par
tir.
faz frio aqui e o beija-flor procura para namorar sua prima
vera.
atchim... árvores sopram som
bras.
na cabeça além de equilibristas-piolhos-neuróticos cab
elos.
sentir o hálito da palavra cuspida-despida há
bito.
poeminhas soltos passarinhos perda de tempo err
ânsias.
tudo pelo divino que é 10
%.
o vempo* estende sonhos nos varais do arame farpado vi
da.
nem todo desfolhameno é mal
mequeres.
bom remédio para alguns males é dor
mir.
bateu na porta não sabia mas era vizinha do êx
tase.
não carece roupa venha sem
pre.
art
manha.
rio-gozo na cara da poesia multi
lada.
.
* vempo - é uma forma de economizar letras, para pronunciar-escrever e ainda por cima, colocar junto, no mesmo balaio da imaginação, essas "invisíveis-criaturas", que sempre escapam da nossa percepção e passam... nos atravessando: "vento e tempo".

9 Comments:

Anonymous marcos pardim said...

"Asa só voa se par tir / faz fio aqui e o beija-flor procura para namorar sua prima vera / nem todo desfolhamento é mal mequeres / bateu na porta não sabia mas era vizinha do êxtase / não carece roupa venha sempre ...".
Belos fragmentos de um totalmente belo poema.
Ah, e asas quando partem não se tornam asas partidas? Apenas para ilustrar que "bom remédio para alguns males é dor ..." 1 grande abraço

quarta-feira, julho 05, 2006 6:40:00 AM  
Anonymous claudia said...

diovanni, e eu vim até aqui pelo mesmo caminho que te trouxe até o "mentiras". vou ler tudo com calma...pelo que já li, vou te colocar entre meus favoritos no blog.
beijos!

quinta-feira, julho 06, 2006 9:34:00 AM  
Blogger alice said...

querido diovvani,

agradeço as suas visitas e palavras no meu blog

adorava ter vindo antes, mas foi-me impossível

adorei lê-lo, também

não falo mais hoje, porque estou muito indisposta, passei mal ontem à noite com o jogo, fiz uma paragem digestiva, e preciso de repouso, depois voltarei para relê-lo e dar mais um beijinho

tudo de bom ;)

alice

quinta-feira, julho 06, 2006 12:20:00 PM  
Blogger Clauky Saba said...

mar
avilha
de brin
cadeira
!!
!

Poeta
braços

Clau
k
y

sexta-feira, julho 07, 2006 9:36:00 AM  
Blogger Nilson Barcelli said...

Este belíssimo poema poderia classificá-lo de experimental.
Mas toda a sua poesia contém, em maior ou menor grau, essa característica.
No fundo você está sempre a tentar novas formas de expressão. Estou curioso até onde você vai chegar.
O Picasso chegou ao surrealismo. O Diovvani também vai chegar a algum lado, só não sei qual e, provavelmente, nem você mesmo sabe.

Um abraço.

sexta-feira, julho 07, 2006 9:54:00 AM  
Blogger Maria Cláudia said...

Vou vempar uns pensamentos por aí pra ver se consigo escrever assim um dia. Coisa boa de se ler, sô!

beijo

Maria Cláudia

sábado, julho 08, 2006 12:54:00 PM  
Blogger CeciLia said...

Diovanni

quedroga! que droga !! que grande droga !!!

eu que queria ter tido esta idéia tua. Mas, já que eu não tive, agradeço de novo teu comentário, lá no lua.

Gosto do teu jeito de se divertir de palavra. Abraço

sexta-feira, setembro 01, 2006 6:16:00 PM  
Blogger Ariane said...

passei pra conhecê-ler mais um pouquinho de ti, e adorei a brincadeirinha...
voar de par é bom, e partir pro vôo é melhor ainda...
um par beijos!

sexta-feira, setembro 01, 2006 7:48:00 PM  
Anonymous Varais Santista said...

Varais de todos os tipos. Varal de teto, Varal de parede, Varal de chão, Varal Individual, Varal Sanfonado. Visite nosso site e aproveite as ofertas! http://www.varaissantista.com.br

sexta-feira, abril 10, 2009 2:40:00 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home